Ensino Superior

Os 5 melhores países para fazer o Mestrado

FacebookWhatsAppLinkedInEmailShare

Fazer o mestrado no estrangeiro é uma opção cada vez mais procurada pelos jovens portugueses, em parte pelo valor que acrescenta ao seu currículo, mas também pela própria experiência internacional e capacidades que se adquirem durante a mesma e que são tão valorizadas no mercado de trabalho.

Mas encontrar o país mais adequado à área de estudo que se pretende seguir é uma das primeiras preocupações na mente de um estudante e, de facto, é essencial ter em mente vários fatores aquando da sua escolha: reputação, qualidade e tipo de ensino, custo, ranking de mestrados, todos esses pontos devem ser tidos em conta.

A Information Planet ajuda-te e aconselha-te nesta escolha! Preparámos uma lista com alguns dos melhores países para fazer o mestrado. Cada um tem as suas próprias vantagens, mas certamente alguns vão ser mais indicados para o que procuras. Sabias que na primeira reunião gratuita com um dos nossos consultores, vamos explorar que países podem ser os mais indicados para ti de acordo com os teus gostos, interesses e objetivos?

1) Países Baixos

5 razões para estudar na Holanda - Estudar nos Países Baixos

Fazer o mestrado nos Países Baixos é ter a possibilidade de estudar num curso prático, completamente orientado para o mercado de trabalho e, por estares em contacto com uma sociedade tão diversificada durante os teus estudos, vais desenvolver skills muito apreciadas pelas entidades empregadoras. Para além da qualidade do ensino holandês, este é também reconhecido por ser centrado no estudante, por valorizar o seu pensamento crítico e respeitar as opiniões de cada um. Além disso, nos Países Baixos, podes fazer o teu mestrado com propinas económicas, caso tenhas nacionalidade europeia.

2) Estados Unidos da América

Considerado o melhor sistema de ensino superior do mundo, estudar nos EUA vai diferenciar-te no mercado de trabalho e dar-te acesso a um conjunto de oportunidades únicas. Como lideram várias áreas de desenvolvimento, sobretudo relacionadas com tecnologia, gestão e ciências, vais ter acesso ao que de melhor se faz nestas áreas. Outra vantagem é a facilidade em construir uma rede de networking internacional – os EUA são um dos países do mundo que recebe mais estudantes internacionais – que te pode levar mais longe e ser bastante valiosa durante o teu percurso profissional.

Marca já a tua reunião gratuita
Conversa com um consultor especializado, explora as opções que existem para ti e fica a saber tudo sobre estudar no estrangeiro
Mais informações

3) Reino Unido

O Reino Unido é a “casa” de algumas das melhores universidades do mundo e tem presença constante no top de melhores mestrados do mundo em várias áreas. Valorizar o teu CV e ter acesso a um dos maiores mercados de trabalho são algumas das principais vantagens de estudar no Reino Unido. E, claro, a diversidade de cursos existentes faz com que seja fácil encontrar a opção ideal para ti.

4) Dinamarca

O sistema de educação dinamarquês é reconhecido por promover o pensamento analítico e crítico, a criatividade e a inovação. Na Dinamarca, podes fazer o teu mestrado com propinas gratuitas, caso tenhas nacionalidade europeia. Com uma qualidade reconhecida além-fronteiras, sendo considerado o 3º melhor sistema de ensino do mundo, fazer o mestrado na Dinamarca vai valorizar o teu currículo e preparar-te para o mercado de trabalho.

5) Suécia

Na Suécia, vais encontrar um ensino bastante focado na prática e em trabalhar em equipa, o que te vai permitir desenvolver as tuas capacidades interpessoais, ganhar experiência profissional e potenciar a tua habilidade para resolver problemas. O ensino superior neste país é também reconhecido pela sua qualidade e por ser mais informal (estudantes e professores aprendem uns com os outros). Na Suécia, podes fazer o teu mestrado com propinas gratuitas, caso tenhas nacionalidade europeia.

Contacta-nos para obter mais informação e marcar a tua reunião gratuita!